• 28/04/2015 - A Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), atual Secretaria Executiva da RETS, anuncia o início dos trabalhos para a realização de uma pesquisa multicêntrica internacional que identifique e analise a oferta quantitativa e qualitativa de formação de trabalhadores técnicos em saúde em diferentes países. Os convites já estão sendo enviados para as instituições que integram a Rede, mas outras instituições de ensino e pesquisa também poderão participar desde que atendam aos requisitos estabelecidos e enviem até o dia 15 de maio de 2015 o ‘Formulário de interesse para participação na Pesquisa Multicêntrica’ devidamente preenchido. 
  • 27/04/2015 - O Dia Mundial da Malária, comemorado em 25 de abril, promoveu conhecimento e conscientizou sobre uma doença que atinge milhões de pessoas no mundo. O Ministério da Saúde acredita que a redução no número de casos é reflexo, principalmente, da descentralização das ações de prevenção e controle da doença, da oferta de tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os sintomas mais comuns são dor de cabeça, dor no corpo, fraqueza, febre alta e calafrios. O diagnóstico e o tratamento oportuno e adequado dos casos, além de medidas específicas de controle do mosquito transmissor, são as mais importantes estratégias para controlar e prevenir a malária.
  • 27/04/2015 - A ameaça da chegada do vírus Chikungunya na Argentina, a presença de uma bactéria em carne de frango de marcas comerciais brasileiras, a matemática auxiliando a vacinação contra a febre amarela e o perfil de pacientes com tuberculose resistente a medicamentos são temas de destaque da edição de abril da revista Memórias do Instituto Oswaldo Cruz. A publicação traz, ainda, artigos sobre leishmanioses, hepatite C, doença de Chagas e esquistossomose. 
  • 17/04/2015 - A Semana Mundial da Imunização, realizada 24-30 de Abril de 2015, marcará uma renovação dos esforços mundiais, regionais e nacionais para reunir medidas que aumentem a conscientização e a demanda de vacinação por parte das comunidades e melhorem os serviços de imunização. A campanha deste ano centra-se no preenchimento das lacunas na imunização, visando alcançar a equidade em relação aos níveis de imunização, como indica o Plano de Ação Mundial para as Vacinas. O plano, aprovado por 194 Estados-membros da OMS na Assembleia Mundial da Saúde, em maio de 2012, é um marco destinado a evitar milhões de mortes até 2020, por meio do acesso universal às vacinas.
  • 17/04/2015 - A Presidência da Fiocruz lançou o edital de pesquisa no qual serão contemplados Projetos de Pesquisa Aplicada nas áreas de Políticas Públicas, Modelos de Atenção e Gestão de Sistema e Serviços de Saúde para o SUS. Os temas são Atenção Primária de Saúde (APS) e Institutos Nacionais de Saúde da Fiocruz e em ambos, os projetos deverão propor soluções inovadoras para melhorar o acesso a ações e serviços do SUS. Os projetos terão dois anos para execução dos recursos.
  • 16/04/2015 - De 08 a 10 de abril, o Panamá recebeu a 7ª edição da Cúpula das Américas, cujo tema central foi “Prosperidade com Equidade: O Desafio de Cooperação nas Américas. O evento promove o encontro de Chefes e Chefas de Estado e de Governo das Américas para debater aspectos políticos compartilhados, afirmar valores comuns e traçar uma estratégia de ações nacionais e regionais para fazer frente aos desafios presentes e futuros comuns entre os países da região. 
  • 16/04/2015 - Para os Estados darem maior prioridade aos recursos para crianças e adolescentes, o Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas (ONU) aprovou a resolução: "Direitos das Crianças: o avanço em direção à um melhor investimento nos direitos da criança". A resolução afirma que investir nas crianças é essencial para alcançar um desenvolvimento humano inclusivo, equitativo e sustentável para as gerações presentes e futuras, e que isso é benéfico para a sociedade e para a economia como um todo, e estabelece as bases para uma sociedade justa, uma economia forte e um mundo sem pobreza. Ela também reconhece que o investimento na educação, na saúde e na promoção e proteção dos direitos da criança são deveres e obrigações do Estado.  
  • 10/04/2015 - A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou uma nova declaração sobre as taxas de cesáreas. Neste documento, após a condução de estudos científicos, a OMS conclui que as cesáreas são efetivas para salvar vidas de mães e crianças, quando bem indicadas e feitas em ambiente seguro, mas adverte dos riscos. Como novidade, a OMS propõe que, a partir de hoje, os países e as instituições de saúde adotem o sistema de classificação de Robson como instrumento de monitoramento e comparação das taxas de cesáreas.
  • 10/04/2015 - O volume 20, número 3, da revista Ciência e Saúde Coletiva já está disponível on-line. A edição tem como tema a vigilância de doenças crônicas e violências, encarado como um dos grandes desafios contemporâneos no campo da saúde. Os artigos abordam a necessidade de se investir nesse tipo de vigilância em um contexto de envelhecimento populacional, males causados pelas mudanças climáticas e aumento nos fatores de risco para doenças crônicas e violências.
  • 08/04/2015 - Durante a comemoração dos seus 29 anos, o Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz) lançará, no dia 15/04 o site Saúde da pessoa idosa: boas práticas. Na página os leitores podem conhecer o “Mapeamento de Experiências Municipais e Estaduais no Campo do Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa”, iniciativa da Coordenação de Saúde da Pessoa Idosa (Cosapi/Dapes/SAS) do Ministério da Saúde, em parceria com o Laboratório de Informação em Saúde (Lis/Icict/Fiocruz).

Páginas