• 29/09/2017 - Descrever as características da educação profissional quanto aos trabalhadores técnicos em saúde de nível superior universitário e não universitário, por meio dos marcos regulatórios da prática profissional nos países da América Central e Caribe. Este é o objetivo do mapeamento organizado pela Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) sobre o marco regulatório da formação dos trabalhadores técnicos em saúde em sete países da América Central – Belize, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, República Dominicana e Costa Rica. O trabalho tem o apoio da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), sede da Secretaria Executiva da Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde (RETS).
  • 29/09/2017 - O periódico científico The Lancet publicou ontem um estudo que afirma que, todos os anos, 55,7 milhões de mulheres fazem aborto em todo o mundo; 25,1 milhões se submetem a procedimentos inseguros para interromper a gravidez e, dessas, nada menos do que 97% moram em países que restringem ou proíbem a prática. Diante desses números, gostaria que o senhor fizesse um balanço do antes e depois da implantação da lei de descriminalização do aborto no Uruguai, que completa cinco anos em 17 de outubro.
  • 20/09/2017 - O Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (Nethis/Fiocruz) e a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) estão com inscrições abertas para as sessões do VIII Ciclo de Debates sobre Bioética, Diplomacia e Saúde Pública e para o Curso Livre a distância Desenvolvimento, Desigualdade e Cooperação Internacional. 
  • 23/08/2017 - A Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), em parceria com a Universidade da República do Uruguai (Udelar), concluiu, em julho deste ano, a formação de 28 alunos do Curso de Especialização em Docência em Educação Profissional em Saúde, realizada em Paysandú, no Uruguai. No encerramento do curso, foi realizada uma oficina de avaliação e uma palestra com a professora da Universidade Nacional da Colômbia, Nancy Molina, além da apresentação dos trabalhos de conclusão de curso (TCC).
  • 23/06/2017 - Durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), realizada no Rio de Janeiro, em junho de 2012, teve início um complexo processo de negociações, que se estendeu até agosto de 2015, por ocasião da Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável. Nesse período, foram definidos os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), os quais sucedem e atualizam os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) e passam a orientar as políticas nacionais e as atividades de cooperação internacional até 2030.  Para a Saúde e o Bem-Estar (ODS 3) os países estabeleceram a necessidade de garantir vida saudável e bem-estar a todos em todas as idades. O que tem sido feito desde então? Os países estão realmente trabalhando para a concretização das metas previstas? Onde buscar informações sobre a implantação dos ODS no mundo? Que resultados já foram obtidos com relação à saúde e o bem-estar das populações?

Páginas