• 21/11/2017 - Um relatório de nutrição recentemente divulgado pelo Escritório Regional da Organização Mundial da Saúde para a África (Afro/OMS) revelou que a desnutrição ainda é persistente na Região e que também houve aumento do número de crianças com transtorno do crescimento. O relatório lançado na cidade de Abidjan, Costa do Marfim, no dia 16 de novembro, também indica um número crescente de crianças com menos de cinco anos com excesso de peso. As lacunas dos dados também está entre as preocupações críticas apontadas no informe.
  • 08/11/2017 - A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e suas agências parceiras reconheceram nesta sexta-feira (3) novos Campeões Contra a Malária no Brasil, Haiti e República Dominicana por seus trabalhos para acabar com as lacunas locais no caminho para a eliminação da malária. Dois projetos, um em uma área remota da Amazônia brasileira e outro na República Dominicana e no Haiti, foram premiados pelo excelente trabalho em interromper a transmissão da malária e desenvolver sistemas locais para acessar o diagnóstico e o tratamento da doença.
  • 08/11/2017 - O Seminário – Oficina conjunta Unasul/CPLP de atualização científica e tecnológica sobre febre amarela e outras arboviroses emergentes e re-emergentes decorreu nos passados dias 2 e 6 de outubro de 2017, no Rio de Janeiro, com o objetivo de fortalecer a capacidade dos Institutos Nacionais de Saúde na prestação de serviços, formar recursos humanos na prevenção e controle da febre amarela e outras arboviroses.
  • 06/11/2017 - Pesquisadores da Escola Nacional Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz) publicaram o relatório da pesquisa ‘Tratado de Livre Comércio União EuropeiaMercosul: estudo de impacto de medida Trips-plus nas compras públicas de medicamentos no Brasil’ (Mercosur-EU Free Trade Agreement: Impact analysis of TRIPS-plus measures proposed by the EU on public purchases and domestic production of HIV and Hepatitis C medicines in Brazil) que simula os gastos do sistema público de saúde do Brasil (SUS) com os medicamentos usados no tratamento de HIV/Aids e de hepatite C, caso as propostas da União Europeia (UE) para o capítulo de propriedade intelectual do Tratado de Livre Comércio (TLC) sejam aceitas pelos países do Mercosul. O estudo mostra que o governo brasileiro desembolsará um valor adicional de até R$ 1,9 bilhão por ano só com a compra desses medicamentos - uma média de R$ 1,8 bilhão para hepatite C e R$ 142 milhões em antirretrovirais (ARV). 
  • 06/11/2017 - Representantes da Secretaria Executiva da Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde (RETS), sediada na Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), participaram nos dias 17 e 18 de outubro, da VI Reunião do Grupo Técnico de Desenvolvimento e Gestão de Recursos Humanos em Saúde (GT de RHUS) da União das Nações Sul-americanas (Unasul). O encontro, que aconteceu em Lima, no Peru, teve por objetivo a formulação das diretrizes para a Política de Recursos Humanos em Saúde da Unasul, que permite orientar o desenvolvimento e fortalecimento da gestão de RH nos países membros. Promovido pelo GT, o evento reuniu representantes dos ministérios da saúde de Brasil, Argentina, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Peru, Uruguai e Venezuela, além de representações da Rede de Escolas de Saúde Pública (Resp), do Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde (Isags) e da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas/OMS).

Páginas