• 11/12/2017 - À medida que a população mundial envelhece, espera-se que o número de pessoas que vivem com demência triplique – de 50 milhões para 152 milhões até 2050. "Quase 10 milhões de pessoas desenvolvem demência a cada ano, seis milhões delas em países de baixa e média renda", afirma Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS). 
  • 07/12/2017 - Dois professores de Economia e uma professora de Sociologia da UFBA, respectivamente Luiz Filgueiras, Uallace Moreira e Graça Druck, debruçaram-se nos últimos dias sobre recente e polêmico documento do Banco Mundial (BIRD) e, apoiados simultaneamente em competentes ferramentas teóricas, dados estatísticos oficiais e análise comparativa de um estudo do mesmo organismo, publicado 20 anos antes, produziram um profundo estudo sobre as propostas ali apresentadas para o ajuste fiscal do Brasil e a adequação das universidades públicas brasileiras a esse cenário ajustado. O primeiro fruto desse estudo é um denso artigo para o próximo número do Caderno do CEAS, cujos editores gentilmente permitiram uma divulgação prévia pela UFBA e pelo Edgardigital.
  • 29/11/2017 - O Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (IMS/Uerj) vai realizar, no dia 6 de dezembro (quarta-feira), um debate sobre o polêmico Relatório do Banco Mundial sobre os gastos públicos no Brasil. O documento, intitulado “Um ajuste Justo: Análise da eficiência e equidade do gasto público no Brasil', está provocando a manifestação em diversos segmentos da sociedade, uma vez que traz drásticas recomendações, as quais, segundo inúmeros especialistas, convergem com os atuais interesses do governo do país e podem resultar em graves prejuízos para uma enorme parcela da população brasileira. O evento ocorrerá no auditório do IMS, localizado na Rua São Francisco Xavier 524, Bloco D, 7o andar - Maracanã, Rio de Janeiro. Leia também artigos de diversos autores sobr o assunto.  
  • 28/11/2017 - Um estudo preliminar divulgado nesta segunda, 27/11, pelo Ministério da Saúde, aponta que 38,4% dos casos são de alto risco para desenvolvimento de câncer e que 16,1% das pessoas testadas têm IST prévia, HIV ou sífilis. Dados preliminares de pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde nas 26 capitais e no Distrito Federal alertam para o alto índice de HPV entre jovens. Das mais de 7,5 mil pessoas participantes da pesquisa, 2.669 realizaram teste de HPV. Destas, 54,6% apresentaram resultado positivo e 38,4% apresentaram HPV de alto risco para o desenvolvimento de câncer.
  • 27/11/2017 - ONU Meio Ambiente e Instituto das Nações Unidas para Formação e Pesquisa (Unitar) abriram inscrições para um curso totalmente gratuito de três horas sobre regime jurídico internacional de mudança climática. O conteúdo do curso, apenas em inglês,detalha os mecanismos estabelecidos pela Convenção-Quadro da ONU sobre Mudança do Clima (UNFCCC) e as principais providências e compromissos assumidos no Protocolo de Quito e no Acordo de Paris; saiba aqui como se inscrever.

Páginas