• 06/11/2017 - Pesquisadores da Escola Nacional Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz) publicaram o relatório da pesquisa ‘Tratado de Livre Comércio União EuropeiaMercosul: estudo de impacto de medida Trips-plus nas compras públicas de medicamentos no Brasil’ (Mercosur-EU Free Trade Agreement: Impact analysis of TRIPS-plus measures proposed by the EU on public purchases and domestic production of HIV and Hepatitis C medicines in Brazil) que simula os gastos do sistema público de saúde do Brasil (SUS) com os medicamentos usados no tratamento de HIV/Aids e de hepatite C, caso as propostas da União Europeia (UE) para o capítulo de propriedade intelectual do Tratado de Livre Comércio (TLC) sejam aceitas pelos países do Mercosul. O estudo mostra que o governo brasileiro desembolsará um valor adicional de até R$ 1,9 bilhão por ano só com a compra desses medicamentos - uma média de R$ 1,8 bilhão para hepatite C e R$ 142 milhões em antirretrovirais (ARV). 
  • 06/11/2017 - Representantes da Secretaria Executiva da Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde (RETS), sediada na Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), participaram nos dias 17 e 18 de outubro, da VI Reunião do Grupo Técnico de Desenvolvimento e Gestão de Recursos Humanos em Saúde (GT de RHUS) da União das Nações Sul-americanas (Unasul). O encontro, que aconteceu em Lima, no Peru, teve por objetivo a formulação das diretrizes para a Política de Recursos Humanos em Saúde da Unasul, que permite orientar o desenvolvimento e fortalecimento da gestão de RH nos países membros. Promovido pelo GT, o evento reuniu representantes dos ministérios da saúde de Brasil, Argentina, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Peru, Uruguai e Venezuela, além de representações da Rede de Escolas de Saúde Pública (Resp), do Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde (Isags) e da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas/OMS).
  • 01/11/2017 - A Revista Pan-Americana de Saúde Pública, publicada pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS), anuncia uma chamada de artigos para uma próxima edição especial para comemorar o aniversário de 40 anos da Alma-Ata e sua influência nas Américas. Serão aceitos artigos em espanhol, inglês ou português. O processo de seleção de manuscritos seguirá os procedimentos de revisão por pares da revista.Prazo final: 29 de dezembro de 2017.
  • 31/10/2017 - A semana de conscientização mundial sobre o uso de antibióticos 2017, que será comemorada de 13 a 19 de novembro, tem como lema "buscar o conselho de um profissional de saúde antes de tomar antibióticos". Você só deve tomar antibióticos se eles foram prescritos por um profissional de saúde. Através do uso responsável de antibióticos, você e sua família não só obterão o melhor tratamento, mas também ajudarão a reduzir a ameaça de resistência antimicrobiana.
  • 30/10/2017 - No dia 26 de setembro, durante a 29.a Conferência Sanitária Pan-Americana, realizada na sede da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas/OMS), Washington D.C. (EUA), ministros dos países das Américas adotaram uma nova política sobre etnicidade e saúde, na qual se comprometem a eliminar os obstáculos que as populações indígenas, afrodescendentes e povos ciganos enfrentam nessa área. A mortalidade materna e infantil nas populações indígena e afrodescendente das Américas é habitualmente mais elevada. Em alguns países, as taxas de infecção por HIV são nove vezes maiores entre a população afrodescendente em comparação à população branca e os índices de desnutrição infantil entre indígenas são superiores aos da população em geral. Essas populações também tendem a apresentar números elevados de violência contra mulheres e suicídio, segundo indica a nova política.

Páginas